A Pandemia de Compulsão Sexual!

Nesses tempos de pandemia e distanciamento social em que estamos passando mais tempo em casa do que de costume, muitos acabam não vigiando e se rendem a tentação da pornografia e da masturbação. Vivemos uma mudança brusca de rotina, um tempo de muita tensão e a mistura de tudo isso com ansiedade, stress e ociosidade gera pressão. A BUSCA POR UM ESCAPE Você já deixou uma garrafa de coca-cola fechada cair no chão e tentou abri-la imediatamente após a queda? Se você já fez isso, certamente deve entender o que é estar sob pressão. Sabe o que acontece com a coca-cola? O liquido que estava dentro da garrafa é expelido com toda a força para fora. Por que? Porque a tensão da queda causou pressão e quando a garrafa foi aberta, a pressão encontrou um escape. E é assim que estamos. Estamos convivendo com muita pressão e consequentemente, acabamos buscando alguma forma de escape para aliviar toda a pressão. CADA UM ALIVIA DE UM JEITO Alguns aliviam a pressão se exercitando, lendo um livro, orando e estudando, mas outros buscam (muitas vezes de maneira inconsciente) alivio para a pressão na masturbação e na pornografia. Eles se masturbam e acessam pornografia quando estão sozinhos; quando estão carentes; quando sentem tesão; quando ficam ansiosos; quando estão nervosos, quando ficam frustrados, quando ficam ociosos e a essas praticas acabam se tornando um meio de escape para aliviar o stress e qualquer desconforto que a pessoa possa surgir. O RISCO DA COMPULSÃO SEXUAL O problema é que como a pandemia está demorando a passar e nós continuamos a passar mais tempo em casa, é comum que as pessoas recorram cada vez mais essas formas de alivio, o que pode levar essas pessoas a uma compulsão por pornografia e masturbação. O acesso a nudez de outra pessoa e a prática da autogratificação por meio da masturbação não são coisas novas. Essas coisas praticamente sempre existiram. Mas, com o advento da internet e com a popularização do celular, ficou cada vez mais fácil ter acesso a este tipo de conteúdo. A internet deixou uma quantidade e uma variedade quase infinita de estímulos acessíveis a qualquer momento, por meio de computadores, tabletes e celulares. Consequentemente, mais pessoas se tornaram compulsivas quanto ao uso desses subterfúgios sexuais. O QUE É A COMPULSÃO SEXUAL? A compulsão é um vício, um comportamento que foge ao controle e que muitas vezes, é mais forte que a pessoa. Ela pode ser um vicio solitário como a prática da masturbação e da pornografia, mas pode evoluir para uma dependência escravizante de relações sexuais. No nosso caso, estamos falando especificamente do vício solitário. E neste sentido, a pessoa que lida com a compulsão sexual quer parar, mas quanto mais navega nos sites e quanto mais se masturba, mais ela quer acessar este tipo de conteúdo e, mais quer se masturbar. Deste modo, sem ao menos perceber, é comum algumas pessoas passarem horas assistindo pornografia e se masturbando e quando terminam, se assustam ao perceber o tempo real que foi gasto com as práticas. COMO IDENTIFICAR? Os sintomas de que uma pessoa tem compulsão por pornografia e masturbação são diversos e só podem ser diagnósticado por um profissional, mas alguns indícios de compulsão são: Acesso a este conteúdo diariamente ou mais de uma vez ao dia; Desejo frequente de acessar este tipo de conteúdo; Pensamentos impuros o tempo todo; Descontrole; Passar horas e horas acessando pornografia e se masturbando; Desejar sempre mais e mais; Medo e vergonha de ser descoberta; Trocar atividades para acessar pornografia e se masturbar; Acessar pornografia em locais públicos, trabalho, escola ou banheiros; Sentir mal quando não acessa ou sentir que falta algo. Estudiosos afirmam que a compulsão sexual é um vício que se assemelha muito aos vícios em substâncias tóxicas. COMO SUPERAR O PROBLEMA? Geralmente, as pessoas que acessam pornografia e se masturbam sabem que este comportamento não está correto. Elas sabem que isto pode trazer problemas para o futuro. E no caso dos cristãos, é muito comum a pessoa acessar este tipo de conteúdo e logo quando chegam a ejaculação, elas se sentem extremamente impuras e culpadas. Diante do temor pelas consequências no futuro e da sensação de impureza e culpa, muitos gostariam de parar com essas práticas. Mas como fazer isto? Algumas dicas praticas são: 1. Invista na sua vida espiritual. Leia a Bíblia, ore e participe de atividades em sua comunidade de fé. Quanto mais envolvido com as coisas de Deus você estiver, mais pura sua vida será. 2. Tente descobrir os gatilhos que te levam a se masturbar e acessar pornografia. 3. Ao descobrir quais são os gatilhos, evite ficar em um lugar onde você pode ser levado a acessar pornografia. Não fique sozinho, não mexa no celular e não tente lutar contra o desejo, apenas saia do lugar e vá fazer outra coisa. 4. Cuidado com a ociosidade e com o rolar de feed em suas redes sociais, ficar vendo fotos de homens de sunga ou de mulheres de biquíni podem ser um gatilho para a pornografia. 5. Quando estiver trabalhando ou estudando no computador, coloque músicas cristãs para ouvir ou ouça palestras e pregações cristãs. Essas coisas podem te ajudar no processo de pureza. 6. Leia livros sobre sexualidade cristã que podem abrir sua mente e fazer você entender melhor o assunto ao ponto de ser capaz de se libertar com a ajuda de Deus. Vou deixar alguns materiais aqui que podem ajudar: E-book como vencer a pornografia Clique aqui Desintoxicação sexual: Um guia para homens que querem fugir da imoralidade sexual. Clique aqui A amrmadilha da pornografia. Clique aqui Purificando o coração da idolatria sexual. Clique aqui O homem bíblico. Clique aqui O mal que eu não quero. Lições bíblicas para vencer a pornografia. Clique aqui. 7. Estude sobre o assunto: conheça mais sobre as aflições e o estilo de vida degradante que as atrizes e atores pornograficos são submetidos. 8. Procure na Internet testemunhos de homens e mulheres que ao terem sua intimidade exposta sem autorização na Internet tiraram a própria vida. Talvez, conhecendo a realidade do universo pornográfico e vendo quantas pessoas tiram sua vida por terem sido expostas, isso te sensibilize. 9. Procure ajuda. Fale com algum amigo cristão maduro ou um pastor que possa orar com você e com quem você possa prestar contas sempre que não resistir a tentação e pecar. A prestação de contas aliadas a confissão e a oração podem ser ferramentas importantes no processo de superar a pornografia e a masturbação, afinal, este vício é tão poderoso porque ele é mantido em segredo. 10. Procure ajuda de psicólogo conservador que possa te orientar por meio da Terapia Cognitivo Comportamental a vencer a compulsão por pornografia e masturbação. Enfim, é importante estar sempre vigilante e nunca esquecer que algo aparentemente prazeroro, se não for combatido e controlado, pode se tornar um vício escravizante e trazer resultados extremamente negativos para nossas vidas. Espero ter te ajudado com essa reflexão. ASSISTA A UM DE NOSSOS VÍDEOS NO YOUTUBE

NAMORO COM PROPÓSITO

Ipatinga, Minas Gerais, Brasil

Atendimento: Seg. a Sex. de 13h as 18h

(33) 9 8881 1677

contato@ncpoficial.com.br

CNPJ 24.096.557/0001-36

© 2020 por Namoro Com Propósito | Nossa missão é ensinar princípios para solteiros, namorados e noivos